Pular para o conteúdo
Voltar

GAE inicia ações de sensibilização socioambiental da A3P

Nayara Takahara - GAE/MT

A | A

O Gabinete de Assuntos Estratégicos (GAE) iniciou nesta quarta-feira (02.03) as primeiras ações de sensibilização socioambiental da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P). A proposta é mobilizar na pasta o engajamento coletivo para a adoção de práticas sustentáveis no ambiente de trabalho, reafirmando o compromisso do Governo do Estado de promover o uso racional dos bens públicos.

O incentivo à adoção de novos referenciais de sustentabilidade integra a força-tarefa coordenada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) em parceria com o GAE para implantar no Estado a A3P. O programa é uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e tem como principal objetivo estimular a reflexão sobre a responsabilidade socioambiental e a mudança de comportamento no trabalho, ao inserir critérios de gestão sustentável nas atividades da administração pública.

De acordo com o secretário adjunto de Captação e Monitoramento do GAE, Vinicius Saragiotto, a ideia é orientar os servidores do Gabinete a promoverem ações sustentáveis em suas rotinas de trabalho.

Segundo a coordenadora de práticas sustentáveis do GAE, Manoela Fróes, o trabalho de sensibilização desenvolvido no Gabinete está de acordo com os eixos temáticos do programa A3P. “A primeira etapa é sensibilizar e orientar o servidor a rever suas atitudes em relação ao meio ambiente, a pensar melhor sobre a racionalização do uso dos recursos naturais e como seu comportamento no ambiente de trabalho pode influenciar em todo o processo”, explica ao elencar atitudes que contribuem para fazer essa diferença.

“Imprimir nos dois lados da folha, apagar a luz ao sair do ambiente e não deixar aparelhos ligados em stand-by (modo de espera) são exemplos simples de possíveis mudanças de hábito que permitem estabelecer práticas de sustentabilidade e redução dos gastos institucionais e processos administrativos”, reforça Froes.

Selo Verde

O Governo do Estado recebeu no dia 24 de fevereiro o primeiro Selo Verde, em reconhecimento às práticas de gestão sustentável adotadas pelo Estado. A entrega do Selo foi anunciada durante a reunião entre representantes do Ministério do Meio Ambiente e do Executivo estadual, enquanto se discutia o decreto de criação de uma comissão gestora governamental para tratar o tema.

Desde que passou a integrar a A3P, em outubro do ano passado, o Estado assumiu o compromisso de promover uma profunda reflexão sobre os problemas socioambientais no âmbito da administração. Assim como revisar práticas operacionais e administrativas, a fim de evitar o desperdício e promover o uso racional dos bens públicos.