Pular para o conteúdo
Voltar

Presidente da MTI se reúne com secretário de Estado de Segurança Pública para debater projetos

Gustavo Nascimento | MTI

- Foto por: Assessoria
A | A

O diretor presidente da Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI), Antônio Marcos de Oliveira, se reuniu com o secretário de Estado de Segurança Pública (Sesp), Alexandre Bustamante, para debater sobre segurança da informação, projetos, parcerias e a busca por um Governo cada vez mais digital.

O encontro foi realizado na manhã desta sexta-feira (08.05), na sede da Sesp, no Centro Político Administrativo, e também contou com a participação do vice-diretor presidente da MTI, Cleberson Gomes, do diretor administrativo da MTI, Cesar Vidotto, e de representantes da Secretaria de Estado de Ciências e Tecnologia (Secitec).

Durante a reunião foram apresentados os principais projetos da MTI para o Estado, bem como o planejamento de um governo cada vez mais digital e acessível ao cidadão.

A expectativa é já no segundo semestre de 2020, a MTI reforce a pareceria com a Sesp na busca de soluções tecnológicas para facilitar a vida dos servidores e cidadãos.

“A Secretaria de Segurança Pública é uma das maiores e mais importantes pastas do Estado, seja pelo número de servidores e orçamento, seja pelo ponto de vista estratégico. A Sesp é também uma grande parceira da MTI, mas sabemos que podemos melhorar e muito esse trabalho, facilitando ainda mais a vida do cidadão”, afirmou Antônio Marcos.

Entre os projetos mencionados está uma plataforma que promete revolucionar a relação do cidadão mato-grossense com o Governo ao disponibilizar uma série de recursos e serviços ágeis e sem burocracia. A plataforma também contará com serviços da Sesp disponíveis aos usuários.

O secretário Bustamante apresentou toda a infraestrutura de tecnologia da Sesp, como a central de videomonitoramento do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) e o Data Center, um dos mais modernos de Mato Grosso.

“A tecnologia têm sido cada vez mais fundamental para o nosso trabalho. Contamos com um grande investimento em videomonitoramento e comunicação, e eu costumo dizer que esse tem sido um dos melhores investimentos que o Estado já realizou, pois ele volta em formato de vidas que são salvas”, afirmou.